fevereiro 16, 2022

Por Profª. Pós-Drª. Rafaela de Almeida Schiavo CRP/0693353

Ansiedade e o estresse são comuns e esperados durante o período perinatal. O hormônio presente na ansiedade e estresse é o chamado CORTISOL. O excesso de cortisol no organismo grávido pode afetar o curso da gestação e o desenvolvimento do feto. 

Portanto, a alta ansiedade e o estresse elevado no período perinatal não são normais e esperados e podem causar prejuízos no curso da gravidez. Altos níveis de cortisol durante a gestação podem influenciar na PREMATURIDADE e BAIXO PESO  ao nascer. 

Psicólogas Perinatais, podem atuar na prevenção da alta ansiedade e dos altos níveis de estresse, inclusive com técnicas próprias para atingir esse objetivo. Realizar a Atenção Psicológica na Perinatalidade é muito importante para a saúde  e bem-estar mãe-bebê.

Precisamos de mais psicólogas perinatais para auxiliar na prevenção de alterações emocionais significativas. 35% das gestantes apresentam alta ansiedade e 20% sintomas elevados de estresse. Por ano acontecem cerca de 3 milhões de gestações e no Brasil existem menos de 2 mil psicólogas perinatais.

É urgente a formação de mais profissionais qualificados para ofertar esse tipo de atendimento que permitirá a construção de um mundo melhor.

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}